Website
21 Agosto 2018
Aventura-te Portugal
ESTRADAS MAIS BONITAS DE PORTUGAL

Portugal é o país dos aventureiros, desde sempre. Vamos em busca do mundo, das Descobertas, das praias paradisíacas e das estradas idílicas. Hoje vamos apresentar-te as estradas mais bonitas de Portugal.

O Douro

O Douro é ainda mais bonito apreciado da EN222. Entre Peso da Régua e Pinhão, são 27 quilómetros daquela que foi considerada a melhor estrada do mundo para se conduzir.

Peso da Regua - Pinhão

 

Até à Covilhã e mais além

A EN230 liga Aveiro à Covilhã através de uma estrada tipicamente serrana. O troço entre Teixeira e Pedras Lavradas confere-lhe o título de uma das estradas mais bonitas de Portugal.

Aveiro - Covilhã

 

Guincho

De Cascais a Colares, uma das estradas mais bonitas de Portugal é a qua passa entre as – agora poucas – dunas do Guincho. A estrada que deixa Cascais e entra na Serra de Sintra é considerada uma das mais bonitas do nosso país.

Guincho

 

Serra da Arrábida

Da Serra de Sintra passamos para a Serra da Arrábida e para a estrada que atravessa este Parque Natural. A montanha no meio do mar e a sensação de estar a conduzir numa Ilha.
Em dias de pouco movimento, para o carro e aprecia a paisagem e o silêncio tão característico deste local.

Serra Arrabida

 

Do Alentejo ao Algarve

A mítica EN2 tem mais de 700 quilómetros de extensão, mas o nosso destaque é o troço que liga Almodôvar a São Brás de Alportel. Verde a perder de vista, curvas acentuadas, retas e túneis… numa estrada onde a monotonia na condução não é opção.

N2-61

 

Seja qual for a estrada escolhida, Portugal é um país excelente para roadtrips.
E se ainda não és fã deste tipo de viagens, continua atento… em breve explicamos-te todas as vantagens de viajar de carro.

NÃO EXISTEM COMENTÁRIOS.

17 Abril 2018
Aventura-te Portugal
Museus e monumentos a não perder em Portugal

Viajar para outros países é sempre uma fonte de felicidade, mas a verdade é que Portugal também é um local com muitos locais maravilhosos para visitar. Não sabes onde ir? Fica atento a este mini roteiro com alguns museus e monumentos que não podes perder no nosso belo país!

Palácio Nacional da Ajuda

Situado na Ajuda, em Lisboa, o Palácio da Ajuda é um grande palácio real onde residiram vários membros da família real portuguesa. Está hoje aberto a visitas, sendo que as várias salas do palácio contêm ainda a decoração usada há vários séculos atrás. É muito fácil imaginarmo-nos a viver neste palácio, como se se tratasse de uma época antiga. A não perder!

Resultado de imagem para palácio nacional da ajuda

 

Museu Nacional do Teatro e da Dança

O Museu Nacional do Teatro da Dança localiza-se em Lisboa, na freguesia do Lumiar. Está instalado no Palácio do Monteiro-Mor e tem, à sua volta, um grande jardim com o mesmo nome. Aqui, vais poder encontrar vários exemplos de trajes e roupa típica de várias décadas, numa viagem muito interessante pelo mundo da moda. No Museu do Teatro, é possível ver vários fatos usados em peças de teatro, assim como instrumentos e réplicas dos vários espaços.

Resultado de imagem para Museu Nacional do Teatro e da Dança

 

Palácio Nacional de Mafra

Estrela da obra “Memorial do Convento” de José Saramago, o Palácio Nacional de Mafra é um dos locais mais visitados de Portugal. Mandado construir por D. João V para cumprir um voto de sucessão, é um grande exemplo do estilo arquitetónico barroco, com muitos cantos e recantos para conhecer.

Resultado de imagem para Palácio Nacional de Mafra

 

Mosteiro da Batalha

O Mosteiro da Batalha é um monumento em memória da vitória na batalha de Aljubarrota, começado a construir no final do século XIV, a mando de D. João I. É o maior exemplo do estilo gótico em Portugal, sendo que se nota, também influências do estilo medieval e manuelino.

Resultado de imagem para mosteiro da batalha

 

Museu de Serralves

O Museu de Serralves, no Porto, foi criado para divulgação de vários projetos de arte contemporânea e arquitetura. Desenhado pelo arquiteto Álvaro Siza, este museu tem uma arquitetura inspirada pelo estilo Art Déco. Existe ainda um grande e belo jardim, desenhado pelo arquiteto francês Jacques Gréber, no qual te vais poder perder. É um ponto imperdível se estiveres na zona do Porto.

Resultado de imagem para museu de serralves

 

Estes são alguns dos locais que deves visitar em Portugal… Mas não todos! Que mais sítios recomendas?

NÃO EXISTEM COMENTÁRIOS.

4 Outubro 2017
Aventura-te Portugal
Os Castelos Mais Bonitos de Portugal

Os castelos são atrações turísticas imperdíveis em qualquer parte do globo. Neles respiramos história, revivemos batalhas, conhecemos lugares espetaculares e damos asas à nossa imaginação.
Depois de termos visitado os castelos mais bonitos do Mundo, regressamos ao nosso querido país e partimos à (re)descoberta dos mais bonitos castelos, fortes e fortalezas que tanto nos ajudaram na defesa da fronteira portuguesa dos espanhóis e mouros.
Das centenas de castelos em Portugal, uns estão mais conservados, outros nem tanto; uns transformados em museus, outros em pousadas; mas seja qual for o seu estado atual, todos eles merecem a nossa visita e nós merecemos (e devemos) conhecer a sua história, as suas muralhas e as suas vistas, que são sempre das melhores… 
Hoje partilhamos contigo o nosso top 5. Preparado? Vem daí!

  1. CASTELO DE ALMOUROL

O Castelo de Almourol localiza-se no Ribatejo, mais precisamente em Tancos, Santarém. Está erguido numa pequena ilha no rio Tejo e localiza-se a 18m acima do nível das águas.

É um dos melhores exemplos da arquitetura militar da época, evocando simultaneamente os primórdios do reino de Portugal e a Ordem dos Templários, associação que lhe reforça a aura de mistério e romantismo. Com a extinção da Ordem do Templo, o castelo de Almourol passou a integrar o património da Ordem de Cristo.

 

Castelo de Almourol

 

  1. CASTELO DE MARVÃO

O Castelo de Marvão localiza-se no Marvão, Portalegre, em pleno Parque Natural da Serra de São Mamede. Foi uma fortificação estratégica de detenção, orientada para a fronteira, devido à sua posição dominante sobre a vila e de uma zona que ia desde Badajoz até ao rio Tejo. Foi esta localização privilegiada que lhe garantiu a atenção de diversos monarcas, expressa em diversas campanhas de remodelação, que deram ao monumento o seu aspecto atual.

 

Castelo do Marvão_Elemaki

 

  1. CASTELO DE SANTA MARIA DA FEIRA

O Castelo de Santa Maria da Feira é um dos mais notáveis monumentos portugueses no que diz respeito à diversidade de recursos defensivos utilizados entre os séculos XI e XVI e que o torna uma peça única da arquitetura militar portuguesa. Este castelo singulariza-se pela configuração da Mensagem / Alcáçova e pela diversidade de elementos defensivos, para além do seu notável estado de conservação.

 

  1. CASTELO DOS MOUROS

O Castelo dos Mouros é um castelo em ruínas localizado entre as florestas exuberantes da Serra de Sintra e uma das grandes atrações turísticas da Vila. Este castelo foi construído durante o século IX pelos Mouros norte-africanos de modo a guardar a cidade de Sintra, mas foi abandonado depois da conquista cristã em Portugal.

O castelo foi restaurado no século XIX pelo Rei Fernando II, que o transformou numas ruínas românticas e numa das principais caraterísticas dos jardins do Palácio da Pena. Mantém o charme de uma ruína antiga, com uma floresta densa em redor das muralhas antigas que oferecem vistas espetaculares sobre a região de Sintra, estendendo-se até ao oceano Atlântico.

 

Castelo_dos_Mouros

 

  1. CASTELO DE GUIMARÃES

No século X a Condessa Mumadona Dias, após ter ficado viúva, manda construir na sua herdade de Vimaranes – hoje Guimarães – um Mosteiro. Os constantes ataques por parte dos mouros e normandos levaram à necessidade de construir uma fortaleza para guarda e defesa dos monges e da comunidade cristã que viviam em seu redor. Surge assim o primitivo Castelo de Guimarães.

No século XII, com a formação do Condado Portucalense, vêm viver para Guimarães o Conde D.Henrique e D.Teresa que mandam realizar grandes obras no Castelo de forma a ampliá-lo e torná-lo mais forte. Diz a tradição que teria sido no interior do Castelo que os condes fixaram residência e provavelmente aí teria nascido D. Afonso Henriques. Entre os séculos XIII e XV vários reis irão contribuir com obras de melhoramento e restauro do Castelo.

Ligado a façanhas heróicas do período da fundação da nacionalidade como a Batalha de S.Mamede em 1128, razão porque é conhecido por Castelo da Fundação ou de S. Mamede, serviu ainda ao longo da sua história de palco a vários conflitos reais. Perdida que foi a sua função defensiva, o Castelo entra num processo de abandono e degradação progressiva até ao século XX, altura em que é declarado Monumento Nacional e são efetuadas obras de restauro.

 

Castelo-de-Guimaraes

 

Já visitaste algum destes castelos? Qual é o teu favorito?

NÃO EXISTEM COMENTÁRIOS.

Aventura-te é o blogue de viagens e muito mais da Allianz Assistance. Porque a vida é uma aventura, poderás encontrar neste blogue várias informações de destinos de viagem, momentos recheados de humor e muita comida à mistura.
Junta-te a nós e parte nesta aventura!

Adoras viajar?
Segue o nosso blogue
e conhece os novos artigos todos os meses!