Website
24 Abril 2019
Aventura-te Veneza
48 horas em Veneza

Tão intensa quanto fugaz; tão bela quanto dramática. Uma visita a Veneza em 48 horas assemelha-se às inquietações de uma paixão assolapada. E que melhor dedicatória se poderia fazer ao símbolo do romantismo? Vem daí, sem medo de perder e pronto para saborear todos os momentos de uma das cidades mais amadas do Mundo.

Imagina uma cidade em que as sombras dos carros desaparecem, a velocidade das motas se eclipsa, os autocarros deixam de ser os mandões lá do sítio. Imagina uma cidade em que todos eles foram substituídos por singelos barcos e sons de salto alto (ou de serenas passadas, para quem não aprecia o primeiro estilo).

Em Veneza, o Grande Canal abrilhanta as ruelas, ornamenta os palácios das famílias que povoam um lugar sem pressa. Poderíamos estar na Ponte de Rialto a pintar este quadro, conhecido pelos gondoleiros como a mão da mão. Mas já se faz tarde e a fome aperta o estômago de quem pertence a uma cozinha de grande panóplia – a portuguesa. Assim, descemos a ponte, dirigindo-nos ao Mercati di Rialto, aquele em que se encontra o perfume de Veneza. O perfume, as cores, as texturas e as vozes. É neste mercado que os vendedores regateiam com os habitantes e os curiosos turistas.

Resultado de imagem para Grande Canal veneza

 

A digestão pode ser feita à beira da igreja Sant Maria della Saluta, um dos mais imponentes marcos arquitetónicos da cidade: é suportada por cerca de um milhão de pilares de madeira. De estilo barroco, esta edificação tem um simbolismo muito especial para a população por causa da peste, que assolou os sítios em 1630 e quase dizimou Veneza. Antes de recolhermos ao quarto, passamos por Dorsoduro, o bairro cultural e artístico que melhor resistiu à transfiguração.

Resultado de imagem para Santa Maria della Salute

 

Guardamos a Piazza San Marco para o segundo dia – como quem guarda a sobremesa para o final. A praça mais conhecida deste ponto de Itália sempre foi o centro político, social e religioso da república local. Esforça-te para te alheares da multidão, agora parte da mobília, porque vale a pena contemplar cada detalhe. O mesmo te pedimos quando chegares à Basilica di San Marco, a estrela da praça, famosa por combinar os estilos arquitéctónicos do Ocidente e do Oriente. Entramos e deslumbramo-nos com o luxo dos inúmeros painéis em mosaico, arrebatadores por natureza.

Resultado de imagem para Basilica di San Marco

 

Dedicamos o tempo que falta para completar as 48 horas ao Palazzo Ducale, antiga residência oficial dos governadores, à Ponte dos Suspiros, anterior prisão, e ao Campanile di San Marco, dono da melhor vista panorâmica veneziana. Nada será mais metafórico do que terminar o roteiro a olhar para o edifício da Torre dell’orologio, no qual terás de desvendar o puzzle das horas e todas as simbologias alusivas à passagem do tempo.

Resultado de imagem para Palazzo Ducale

 

E pronto… já passou. A cidade, sem pressa, não vai a lado nenhum. Assim, aproveita esta primeira paixão para que, mais tarde, a história se possa vir a transformar num longo amor de horas indefinidas.

NÃO EXISTEM COMENTÁRIOS.

5 Fevereiro 2018
Aventura-te Mundo
5 escapadinhas românticas que tens de conhecer

Com o Dia dos Namorados a chegar, os planos para o dia mais romântico do ano já estão em andamento. Flores, bombons e jantares românticos são coisas que todos os anos são oferecidas… Mas e uma viagem romântica? Uns dias a sós, longe de todas as responsabilidades e com um novo local para explorar… Parece-te bem? Espreita as nossas sugestões para uma viagem a dois que vai ser inesquecível.

1- Veneza, Itália
Passeios de gondola pelos vários canais de Veneza, muitos palácios e igrejas para visitar, pequenas ruas com aspeto romântico, vários cafés com um ambiente acolhedor e, claro, muitos gelados para provar. É preciso dizer mais alguma coisa sobre este destino? Além do Dia dos Namorados, poderás ainda aproveitar o Carnaval de Veneza, que tem desfiles e espetáculos por toda a cidade. O charme desta cidade irá deixar-te a ti e à tua cara-metade rendidos, não fosse esta a cidade conhecida como a cidade dos apaixonados.

Resultado de imagem para venice

 

2- Granada, Espanha
Granada é uma cidade espanhola muitas vezes esquecida, mas que é um ótimo local para uma escapadinha romântica. Uma visita a Alhambra e aos seus jardins é imperdível, sendo este um local bastante romântico e sossegado. A arquitetura islâmica da cidade transmite calma e muitas são as igrejas imponentes. Não vão faltar bares de tapas para um almoço ou jantar diferentes!

Resultado de imagem para granada spain

 

3- Santorini, Grécia
As paisagens de Santorini vão fazer-vos dizer muitas vezes “Wow…”. As pequenas vilas e casas características com formas arredondadas e as igrejas com cúpulas azuis vão fazer-te sentir como se estivesses em casa. A vista para o mar Egeu está presente em vários locais e, apesar de as praias não serem as melhores, não vais sentir falta delas com tudo o que tens para descobrir na ilha. Aqui poderás aproveitar o pôr-do-sol, fazer piqueniques, andar de bicicleta, descobrir a gastronomia local e passear muito.

Resultado de imagem para santorini greece

 

4- Bruges, Bélgica
Bruges é algumas vezes comparada a Veneza, tendo como alcunha “Veneza do Norte”, devido aos canais que atravessam a cidade. Aqui também poderás fazer viagens de barco românticas. Nas margens dos canais, é possível encontrar vários moinhos. O centro histórico da cidade é considerado como Património Histórico da UNESCO e lá poderás encontrar as ruínas de uma fortaleza. Combinem um passeio aos vários museus da cidade, sendo alguns dos mais conhecidos o Groeningemuseum e o Gruuthusemuseum.

Resultado de imagem para bruges

 

5- Sintra, Portugal
Não podíamos terminar este artigo sem uma sugestão neste nosso país. Sintra é uma vila bastante romântica, localizada entre as montanhas e com muita natureza verdejante, património histórico, boa comida e muito para fazer! Imagina um passeio pela Quinta da Regaleira e pelo Palácio da Pena, seguidos por um lanche num café típico (tens de incluir os tão conhecidos travesseiros ou queijadas de Sintra, acompanhados de uma ginjinha). É perfeito para quem procura um fim-de-semana bem relaxante e muito perto de casa.

Imagem relacionada

 

Depois destas sugestões, sentes-te mais inspirado para os teus planos de Dia dos Namorados? Conta-nos tudo o que tens preparado!

NÃO EXISTEM COMENTÁRIOS.

31 Outubro 2017
Aventura-te Mundo
Os Locais Mais Assustadores do Mundo

Como já deves ter percebido (e como gostamos de mostrar), o mundo está repleto de lugares incríveis, perfeitos para passar férias, relaxar e sair da rotina. Mas nem tudo é tão cor-de-rosa e hoje mostramos-te os locais mais horríveis existentes na nossa história.
Estes locais fazem parte dos destinos dos mais corajosos, até porque grande parte deles está em pontos isolados do mapa, como ilhas ou cidades “fantasmas”.
Preparados para a realidade de terror que aí vem? Depois não digam que não avisámos… :P

  1. ANTIGO CEMITÉRIO JUDEU EM PRAGA, REPÚBLICA CHECA

Um cemitério por si só nunca é um lugar muito agradável, mas este sítio não é assustador só porque é um aglomerado de pessoas mortas. Este cemitério, que data do ano de 1478, é verdadeiramente macabro devido à sua superlotação e ao seu aspeto. Segundo vários registos, este cemitério ficou tão cheio ao longo de todos estes séculos que as pessoas passaram a ser enterradas em camadas – há sepulturas até 12 camadas empilhadas e somam-se mais de 100 mil pessoas enterradas. E, quanto a lápides visíveis, contam-se mais de 12 mil.

 

 

  1. CAIXÕES SUSPENSOS DE SAGADA, FILIPINAS

Nas Filipinas, a tribo Igorot tem uma tradição peculiar: pendurar os caixões dos seus mortos nas paredes de um imenso penhasco. Segundo a sua crença, além de manter o corpo dos mortos em segurança, a altura do lugar garante que as almas fiquem mais perto dos seus ancestrais. O que é certo é que uma série de caixões pendurados num penhasco, com crânios a espreitar por pequenas fissuras, não é uma visão muito simpática de se ter.

 

unnamed

 

  1. ILHA DE HISHIMA, JAPÃO

Esta ilha japonesa foi utilizada, durante muitos anos, como unidade de mineração e, por isso, foi o lar de milhares de pessoas. Mas a partir de 1997, o negócio do minério deixou de ser rentável e as pessoas começaram a abandonar o local.

Hoje é um dos lugares mais assustadores do mundo porque, como todos nós sabemos, não existem locais muito mais assustadores do que cidades “fantasma”, onde só restam as construções ali edificadas e uma completa falta de vida na ilha.

Em 2013, a Google lançou a fotografias deste mundo esquecido em formato Street View e tem sido possível descobrir a história e os segredos deste local isolado e misterioso através de uma visita digital, que também tu podes fazer aqui.

 

 

  1. HOSPITAL PSIQUIÁTRICO EM PARMA, ITÁLIA

Como se já não bastasse ser um hospital psiquiátrico estar abandonado e a cair aos pedaços, a estrutura foi completada pelo artista Herbert Baglione com pinturas de sombras pintadas nas paredes, que simbolizam as almas torturadas que, segundo ele, ainda andam pelos corredores daquele lugar.

 

 

 

  1. CAPELA DOS OSSOS, PORTUGAL

Claro que Portugal também não podia ficar de fora destes lugares assustadores! A Capela dos Ossos, localizada em Évora, faz jus ao seu nome – o revestimento da construção é feito com ossos de mais de 5 mil monges e, como se não bastasse, ainda podemos ver dois corpos suspensos nas paredes. Um lugar (muito pouco) simpático, mas que merece uma visita pela sua espetacularidade e unicidade.

 

 

  1. ILHA DE POVEGLIA, ITÁLIA

É conhecida como a Ilha da Peste Negra, fica perto de Veneza e foi utilizada como local de isolamento para mais de 160 mil pessoas infetadas pela peste negra entre 1793 e 1814. Anos depois foram encontrados milhares de esqueletos de doentes que morriam devido à peste e nem sequer recebiam o tratamento digno após a sua morte.

Para além disso, a Ilha de Poveglia, ainda recebeu no século XX um hospital psiquiátrico, onde outras centenas de pessoas morreram nas mãos dos médicos, que foram acusados de torturar e tirar a vida dos pacientes.

 

 

Curiosos? Com medo? Preparados para explorar estes locais? Ou simplesmente contentes por saberem a localização destes assustadores locais e poderem fugir deles? Contem-nos tudo!

NÃO EXISTEM COMENTÁRIOS.

Aventura-te é o blogue de viagens e muito mais da Allianz Global Assistance. Porque a vida é uma aventura, poderás encontrar neste blogue várias informações de destinos de viagem, momentos recheados de humor e muita comida à mistura.
Junta-te a nós e parte nesta aventura!

Adoras viajar?
Segue o nosso blogue
e conhece os novos artigos todas as semanas!